Velha mídia rebola que nem minhoca no álcool ante ao apoio popular ao voto impresso e auditável

Ler na área do assinante

Pois agora…

A avassaladora mobilização popular em apoio à PEC da auditagem dos votos está fazendo a mídia, a aristocracia medieval minoritária e os “isentões” rebolarem que nem minhoca no álcool.

E sem argumentos para suas narrativas sempre cheias de argumentos ilógicos, agora atacam o Presidente, lançando suas flechas com o que pensam ser veneno, mas que na verdade são vitaminas para estimular ainda mais as massas.

Tenho lido muita bobagem escrita por gente que é contra a melhora no processo eleitoral.

Isso até compreendo, quando a ignorância é verbo.

Gente iletrada, sem leitura política, sem formação intelectual mínima, sem acesso à informação de qualidade, está perdoada de não saber o que está acontecendo no Brasil.

Mas ignorância como adjetivo não dá, né?

Então - segundo tolices desses últimos, teríamos mais o que fazer no momento, do que nos preocuparmos com eleições livres e limpas.

Só rindo!

Nada é, foi ou será mais importante do que a lisura eleitoral, nesse modelo chamado DEMOCRACIA, que embora imperfeito, é o ÚNICO possível para abrigar a liberdade!

Por detrás desse argumento canalha “temos coisas mais importantes para cuidar” está exatamente o que essa gente é!

Qual seja: gente que detesta o poder do povo.

Gente que quer usar a democracia fraudada exatamente para acabar com a democracia legitimada!

E pode olhar:

A mídia tradicional quer grana!

A classe política berra para manter a mamata da qual está em processo de desmame.

E os “isentões” são os que estão ou estavam sentados em algum conforto estatal (pode olhar um por um que as coisas aparecem) e que acreditavam que com Bolsonaro nada ia mudar!

Todos deram com a cara num mar de gente, que de bandeira na mão, vai para a rua dizer o que quer.

Sem volta!

E de forma ridícula esses caras querem induzir as massas a desistirem das suas convicções.

Assim não dá, Arnaldo!

A PEC do voto auditável pode até não passar.

A CPI DO TSE pode até não ser instalada.

Mas o povo não vai voltar para casa.

E mais dia menos dia, quem vai voar do poder será essa catrefa da “old school” cheirando a podre e em crise de abstinência.

Enquanto isso, Bolsonaro segue em triunfo popular.

Assim como segue o jogo!

E se ficou alguma dúvida sobre a densidade acachapante do povo nas ruas, pode chamar o WAR, pois no apito dos ministros do STF a gente também não pode confiar!

Querem nos calar!

O Jornal da Cidade Online está sofrendo ataques escancarados das “velhas raposas” da política, através da malfadada CPI, comandada por figuras nefastas como Aziz, Renan e Randolfe.

Ajude para que a verdade prevaleça!

Faça a sua assinatura, tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade e fortaleça o jornalismo independente.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Foto de Luiz Carlos Nemetz

Luiz Carlos Nemetz

Editorialista do Jornal da Cidade Online. Advogado membro do Conselho Gestor da Nemetz, Kuhnen, Dalmarco & Pamplona Novaes, professor, autor de obras na área do direito e literárias e conferencista. @LCNemetz

Ler comentários e comentar