Aras rebate Moraes, diz que PGR se manifestou dentro do prazo e contra a prisão de Jefferson

Ler na área do assinante

Após o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes ter afirmado que a Procuradoria-Geral da República não se manifestou no prazo devido sobre a prisão de Roberto Jefferson, Augusto Aras, procurador-geral da República, rebateu a afirmação em nota oficial.

Segundo Aras, a PGR se manifestou no ‘tempo oportuno’, e foi contrária à decisão:

"Em respeito ao sigilo legal, não serão disponibilizados detalhes do parecer, que foi contrário à medida cautelar, a qual atinge pessoa sem prerrogativa de foro junto aos tribunais superiores.
O entendimento da PGR é que a prisão representaria uma censura prévia à liberdade de expressão, o que é vedado pela Constituição Federal", diz o documento.

Ao que parece, Moraes agiu por conta própria e vontade única.

Querem nos calar!

O Jornal da Cidade Online está sofrendo ataques escancarados das “velhas raposas” da política, através da malfadada CPI, comandada por figuras nefastas como Aziz, Renan e Randolfe.

Ajude para que a verdade prevaleça!

Faça a sua assinatura, tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade e fortaleça o jornalismo independente.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar