Contundente, Alexandre Garcia detona senador petista que o atacou na CPI (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Na última quinta-feira (12), Alexandre Garcia publicou um vídeo, em seu canal do YouTube, em que responde ao senador Jean Paul Prates (PT-RN), por tê-lo citado durante sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, na quarta-feira (11), ao questionar o diretor da Vitamedic, Jailton Batista, sobre pagamento de valores a jornalistas e canais de imprensa, para que fizessem propaganda sobre a utilização do medicamento Ivermectina no tratamento contra a covid-19.

“O senador Jean Paul Prates, ao inquirir o presidente da Vitamedic, ontem, perguntou se a Vitamedic paga a pessoas como Alexandre Garcia... Eu reconheço a inviolabilidade das palavras do senador, e defenderei sempre essa inviolabilidade, porque é em nome do mandato. Está na Constituição.
Mas também está na Constituição o direito de resposta e também está lá a inviolabilidade da honra e da imagem das pessoas”, ponderou o jornalista.

Alexandre deixou claro sua indignação ao ser citado neste tipo de questionamento:

“Não quero nem imaginar que ele tenha me medido com a régua dele. Tampouco quero imaginar que ele tenha vivido em um ambiente em que pessoas compram e vendem opiniões. Quero dizer a ele que não é o meu caso”.

O jornalista ainda comparou o comportamento do senador petista ao do senador norte-americano Joseph McCarthy, com listas acusatórias além de truculências e grosserias em seus interrogatórios, e acabou recebendo censura do Senado americano.

Uma resposta firme e contundente!

Confira:

Querem nos calar!

O Jornal da Cidade Online está sofrendo ataques escancarados das “velhas raposas” da política, através da malfadada CPI, comandada por figuras nefastas como Aziz, Renan e Randolfe.

Ajude para que a verdade prevaleça!

Faça a sua assinatura, tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade e fortaleça o jornalismo independente.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar