Com ironia, Bolsonaro pede aplausos para Fux e declara: “Não pode haver democracia sem cumprir a Constituição” (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Em discurso nesta quinta-feira, 02, o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, teceu duras verdades.

Citando o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, Bolsonaro - com certa ‘ironia’ - pediu "aplausos".

"Hoje eu vi o ministro Fux, no início da sessão, dizendo que 'não pode haver democracia sem respeitar a Constituição'. Palmas para o ministro Fux", disse, batendo palmas.

E prosseguiu:

"Realmente, não pode ter democracia se nós não respeitarmos a Constituição em todos os seus artigos.
Poderia dizer, principalmente, o artigo 5º, o direito de ir e vir, o direito ao trabalho, o direito a ter uma religião, a liberdade de expressão. Imagine dentro de nossas casas, se um casal começasse um a censurar o outro.
Vai destruir a família. O nosso Brasil é o juntamento dessa famílias. Família sadia, país sadio."

Confira:

Quebraram as nossas pernas!

O Jornal da Cidade Online está sofrendo ataques escancarados.

“Velhas raposas” da política, através da malfadada CPI, comandada por figuras nefastas como Aziz, Renan e Randolfe quebraram nosso sigilo bancário. Nada irão encontrar.

O TSE, por sua vez, determinou a desmonetização do JCO. Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal. Quebraram nossas pernas!

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Sua colaboração é importante para que a verdade prevaleça!

Faça a sua doação:

Ou faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar