Cara a cara com Onyx, deputada petista ataca Bolsonaro e é desmoralizada (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Durante a sessão da Câmara dos Deputados, nesta terça-feira (14), o ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, acabou com a narrativa falaciosa da deputada federal Erika Kokay, do PT.

Em sua fala, Erika ainda acusou o presidente Jair Bolsonaro de não ter um projeto de desenvolvimento nacional, e o taxou como ‘criminoso’.

O ministro respondeu explicando a visão do governo em capacitar os trabalhadores para o mercado de trabalho, recusando o simples assistencialismo:

"Nós precisamos, sim, gerar dois milhões e meio de carteiras assinadas, nós precisamos, sim, gerar dois, três, quatro milhões de oportunidades para que jovens e pessoas de mais idade possam se capacitar, porque não é só capacitar, ela está sendo mantida. Ela leva comida para casa. Ela ajuda a melhorar a alimentação da sua família, ela compra remédio. Mas ao lado disso ela está sendo capacitada. Por isso que eu sou tão entusiasta de programas para abrir essa porta e ajudar nessa rampa de ascensão.
Nós não vamos ficar como os governos anteriores. 'Encastelado’ em uma visão que é completamente desfocada da realidade."

E o ministro ainda aproveitou para corrigir a deputada quanto ao seu engano sobre qual presidente do Brasil é criminoso:

“E, por fim, com todo o respeito, o presidente da República do Brasil, ele não é criminoso, não cometeu nenhum crime, aliás, o único presidente que já teve condenação não é o senhor Jair Messias Bolsonaro, é o senhor Luís Lula da Silva, ou seja, é completamente diferente, deputada.
Nós estamos falando de governo que serve ao Brasil e governo que se serviu do Brasil.
A senhora tem a sua ideologia, a sua visão, agora, lá na rua, a sociedade sabe quem se serviu do país e quem serviu ao país”.

Assista ao vídeo:

Quebraram as nossas pernas!

O Jornal da Cidade Online está sofrendo ataques escancarados.

“Velhas raposas” da política, através da malfadada CPI, comandada por figuras nefastas como Aziz, Renan e Randolfe quebraram nosso sigilo bancário. Nada irão encontrar.

O TSE, por sua vez, determinou a desmonetização do JCO. Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal. Quebraram nossas pernas!

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Sua colaboração é importante para que a verdade prevaleça! Faça a sua doação:

Ou faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar