Na Unicamp, trabalhador, impedido de trabalhar, dá lição em estudantes (veja o vídeo)

Um humilde trabalhador, empreiteiro de uma pequena obra na Unicamp, ficou indignado com estudantes em greve.


A manifestação dos grevistas, que fechou a entrada do campus, estaria prejudicando o andamento de seu trabalho.

Além disso, os estudantes teriam arrancado uma grade do canteiro de obras.

No sermão, o homem diz que a grade estava ‘enferrujada e contaminada’, representando riscos para os estudantes.

‘Vocês pegam um tétano e depois vão falar que a obra que é a culpada’, reprendeu.

Na sequência, com uma garrafa de bebida alcoólica vazia, abandonada pelos estudantes, ele condena o fato de ter encontrado inúmeros preservativos jogados pelo canteiro de obras.

A cena demonstra que, por vezes, essa atual geração de estudantes universitários tem extrapolado o seu direito.

Greve não combina com cachaça, depredação e ‘camisinha’.

da Redação

Veja o vídeo:

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Variedades