Reviravolta: Homem no Rio que matou mulher na frente da filha cometeu crime passional

A dona de casa Cristiane de Souza Andrade, que supostamente teria sido morta na frente da filha de 7 anos, numa tentativa de assalto, no Rio de Janeiro (veja aqui), foi vítima de crime passional. Sem dúvida, uma surpreendente reviravolta do caso. 

Rogelson Santos Baptista, reconhecido como autor do crime por moradores de Estácio, na zona central do Rio, que confessou o homicídio, mantinha um relacionamento amoroso com Cristiane há três anos.

Possivelmente, a motivação para o acontecimento fatídico tenha sido a disposição que vinha sendo manifestada pela mulher de terminar o relacionamento.

‘O Rogelson era namorado da Cristiane. Eles estavam juntos há 3 anos. Recentemente, ela quis terminar o namoro, mas ele não aceitou. O Rogelson sabia que a Cristiane tinha o hábito de ir ao mercado por volta de 20h30. Ele esperou ela sair do local e cometeu o assassinato", disse o delegado encarregado do caso.

da Redação

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Polícia