Bolsonaro diz que gás de cozinha pode ser vendido a R$ 50,00: "depende só dos governadores"! (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

O presidente Jair Bolsonaro disse que o preço do botijão de gás de cozinha para o consumidor final pode cair pela metade ou ainda ser vendido por cerca de R$ 50,00 em alguns estados brasileiros, se a venda direta do produto for aprovada na Câmara dos Deputados.

A afirmação foi durante evento dos mil dias de governo, nesta quarta-feira (29) em Roraima, estado citado pelo presidente como exemplo, pelo fato de ter reduzido o ICMS sobre o gás, assim como também ocorre no Amazonas.

O presidente se refere a uma Medida Provisória (MP), encaminhada pelo executivo ao Congresso, que determina a venda direta, mas que só terá validade permanente com a aprovação, tornando-se lei.

“O preço do gás onde é engarrafado está na casa dos R$ 50. Não justifica na ponta da linha estar custando R$ 130”, explicou Bolsonaro que pediu a governadores que diminuam ou isentem a cobrança de impostos sobre o produto, como já faz o governo federal.

O presidente também disse que aguarda decisão da Câmara sobre um projeto que determina a transparência e a cobrança “única” do ICMS sobre combustíveis, permitindo que os valores cobrados nos postos sejam reduzidos.

Atualmente, os estados não demonstram como é feita a taxação e não especificam a porcentagem, chegando, em alguns casos, a cobrar o mesmo imposto por mais de uma vez sobre a mesma comercialização.

Veja o vídeo:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do Jornal da Cidade Online.

Um ato de Censura Prévia. Um atentado a liberdade de expressão.

Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal.

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Cada colaboração é importante para que a verdade prevaleça!

Faça, também a sua doação pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Contamos com você!

da Redação
Ler comentários e comentar