Alexandre Garcia faz revelação assombrosa e escancara a militância covarde da esquerda no jornalismo (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Durante sua participação no programa 'Os Pingos Nos Is', da Jovem Pan, no dia 30 de setembro, o jornalista Alexandre Garcia, falou sobre a importância liberdade e dos riscos da censura.

O jornalista falou sobre o modo como opiniões são expostas como a versão real das notícias, e a maneira como a ideologia política interfere nos meios de comunicação. Como exemplo, Garcia citou uma situação inusitada que vivenciou nos anos 1990:

“As cabeças começaram a ser feitas lá no início dos anos 90, nas faculdades. Um professor disse: ‘eu não estou formando jornalistas isentos e neutros, eu estou formando militantes ideológicos para combater o status quo opressor’. Isso eu ouvi do professor!”

E salientou os riscos da perda de credibilidade do jornalismo, causada pela interferência das opiniões nos fatos noticiados:

“Jamais você [jornalista] é mais importante que o fato, você é um mero repórter que está levando os fatos para as pessoas que confiam em você. [...] Hoje o sujeito entra no jornal, e já sai dando opinião. [...]
Hoje misturou tudo [opinião e jornalismo], e o que acontece? Desconfiança. A credibilidade é o alicerce, é o patrimônio que sustenta o jornalismo. Se perder a credibilidade, não tem mais nada”.

Assista ao vídeo:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do Jornal da Cidade Online.

Um ato de Censura Prévia. Um atentado a liberdade de expressão.

Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal.

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Cada colaboração é importante para que a verdade prevaleça! Faça também a sua doação pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Contamos com você!

da Redação
Ler comentários e comentar