Com bens bloqueados, o cerco se fecha para André Puccinelli

O ex-governador fica numa situação extremamente complicada

Recentemente, a Polícia Federal efetuou ordem de busca e apreensão na residência de Puccinelli.


Desta feita, em função das investigações da Polícia Federal sobre corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo o ex-governador, foi efetivado o bloqueio dos bens pela 3ª Vara da Justiça Federal de Campo Grande (MS).

Nem o Uno vermelho escapou das garras do Judiciário. André está proibido de vendê-lo, assim como qualquer outro bem componente de seu vasto patrimônio.

A nova investida demonstra que a Justiça está realmente na pista dos mal feitos do político peemedebista, que administrou por duas gestões a cidade de Campo Grande e por outras duas o estado de Mato Grosso do Sul.

Nesse mesmo processo, já foram decretadas em outras ocasiões as prisões preventivas do ex-deputado federal Edson Giroto, tido como braço direito de Puccinelli, e do empresário João Amorim, tido como o braço financeiro, o homem da propina e do ‘cafezinho”.

A situação começa a caminhar para um desfecho trágico para André.

Vamos aguardar.

Lívia Martins

liviamartins.jornaldacidade@gmail.com

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Foco MS