Janaína responsabiliza Mandetta e diz que "verdadeiro genocídio ocorreu na saúde de SP" (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Em discurso no plenário da Assembléia Legislativa do estado de São Paulo, a deputada estadual Janaina Paschoal disse que quase não sobreviveu após ter contraído o novo coronavírus, em abril do ano passado.

Apesar do fato já ser de conhecimento público, a parlamentar relembrou a situação, fez novas revelações sobre como acabou se curando da doença e analisou uma série de questões polêmicas em torno da pandemia, no cenário nacional.

Janaina responsabilizou o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, pelo caos que se instalou no sistema de saúde, logo após a chegada do vírus chinês, por falta de comando na pasta, posicionamento, que possibilitou que se instaurasse uma série de interferências e questionamentos indevidos sobre os procedimentos dos próprios médicos, e levou às acusações contra o governo e a abertura da CPI, que não foi criada com o objetivo de apurar, mas apenas de acusar o poder executivo.

A parlamentar paulista também criticou quem chama o presidente de Genocida e questionou o papel dos governadores, como o de São Paulo, João Doria Jr.:

"Os pacientes foram abandonados à própria sorte. Por isso, em São Paulo, que é mais rico, se morreu muito mais. O genocídio de São Paulo vai ser investigado"?

A fala de Janaina Paschoal é realmente impactante e chama para a realidade dos fatos, jogando por terra uma série de narrativas utilizadas durante o curso da pandemia no país.

Veja os vídeo:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do Jornal da Cidade Online.

Um ato de Censura Prévia. Um atentado a liberdade de expressão.

Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal.

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Cada colaboração é importante para que a verdade prevaleça! Faça também a sua doação pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Contamos com você!

da Redação
Ler comentários e comentar