Homem é baleado na "cara" de Doria e o crime escancara a terrível violência que atinge SP (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Um homem, que não teve a identidade divulgada, foi assaltado e baleado em frente ao Clube Pinheiros, na capital Paulista, na noite da última sexta-feira (15).

Segundo informações, o homem foi buscar o filho que estava nas dependências do Clube Pinheiros. Quase em frente à portaria do Clube, a vítima, que estava de motocicleta, foi cercada por dois bandidos. Os assaltantes levaram a moto e balearam a vítima, que ficou caída no chão.

O SAMU foi chamado e socorreu o homem, que foi encaminhado até o pronto socorro do Hospital Albert Einstein, no Morumbi.

Não foram divulgadas informações sobre o estado de saúde da vítima. A Polícia Militar ainda está em busca dos dois assaltantes.

Porém, um fato um tanto inusitado passou despercebido neste terrível crime.

O local, segundo informações apuradas pela equipe do Jornal da Cidade Online, fica nas proximidades da casa do Governador João Doria.

Com o crime acontecendo na "cara" de Doria ele conseguirá, finalmente, ver a violência que tomou conta de São Paulo?

Eis a questão...

O Clube Pinheiros divulgou uma nota lamentando o ocorrido e prestando solidariedade à vítima e seus familiares:

Mensagem do E.C.P. à mídia
O Esporte Clube Pinheiros vem manifestar a sua solidariedade com um de nossos associados, baleado ontem à noite em um assalto que aconteceu em frente a uma das entradas da rua Tucumã. Nossos corações e nossas preces estão com a família e os amigos de mais uma vítima da violência em São Paulo. Nossa revolta e nossa preocupação com essa tragédia são extremas.
Confiamos na recuperação plena do nosso sócio. E esperamos uma ação célere das autoridades para que o os assaltantes sejam capturados e entregues à justiça. Os protocolos de segurança do Clube, em todo o seu entorno, estão sendo revistos para que fatos lamentáveis como esse não voltem a se repetir.
Obrigado”.

Veja o vídeo do crime:

da Redação
Ler comentários e comentar