Sikêra solta o verbo, detona "glamorização" de Suzane von Richtofen e diz não duvidar que ela seja candidata (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Ao comentar sobre uma chacina na cidade de Vilhena, em Rondônia, onde um casal dono de uma fazenda, e seus três funcionários foram mortos, o apresentador Sikêra Jr. voltou a criticar o sistema prisional do país.

“A pergunta que eu faço a você agora é: você acha que uma pessoa dessa [o assassino], vai ser ressocializada?
Ela pode voltar à sociedade? Nem que ela cumpra 30 anos. Ela vai sair a mesma coisa ou pior. É gente ruim. Gente ruim não tem jeito”.

Sikêra criticou o fato de que condenados por crimes chocantes como este possam ter redução de pena por bom comportamento, voltando à sociedade sem ter pago por seus atos.

O apresentador lembrou o caso de Suzane Von Richtofen, condenada pelo homicídio dos pais, juntamente com os irmãos Cravinhos.

“A Suzane von Richtofen voltou a estudar. Vocês souberam que ela recebeu um monte de mimos na faculdade?
Ela ganhou um celular ‘zero’, já tem fã-clube. Não estou de brincadeira. Ela ganhou ursinho, perfume, já tem empresa querendo patrocinar ela.
E possivelmente ela é candidata à vereadora nas próximas eleições. Não duvido, não”, ironizou ele.

E complementou:

“Ela só matou o pai e a mãe, com ajuda dos Cravinhos, o namorado e o cunhado.
Matou o pai e a mãe a pauladas, dormindo, dentro de casa. Ela que abriu a porta”, lembrou ele.

Confira:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do Jornal da Cidade Online.

Um ato de Censura Prévia. Um atentado a liberdade de expressão.

Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal.

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Cada colaboração é importante para que a verdade prevaleça!

Faça também a sua doação pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Contamos com você!

da Redação
Ler comentários e comentar