Na comemoração de término da obra, após bebedeira com Lula, arquiteto saiu ‘cambaleando’

No exame das mensagens encontradas na celular do arquiteto da OAS Paulo Gordilho, responsável pela instalação da cozinha gourmet no sítio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Atibaia, os investigadores detectaram conversações efetivadas no dia em que foi ‘comemorada’ a entrega das obras.


A dedução é que a bebedeira foi muito grande, tendo o arquiteto confessado a um amigo que saiu do local ‘cambaleando’.

‘Bebemos eu e ele (Lula) uma garrafa de cachaça da boa Havana mineira e umas 15 cervejas’, escreveu Gordilho.

As mensagens foram anexadas ao inquérito que tramita contra Lula na 13ª Vara Federal de Curitiba.

Uma selfie, capturada no celular do arquiteto, mostra ele e aos fundo o ex-presidente bebendo cachaça, provavelmente.
da Redação

da Redação

Comentários

Mais em Variedades