Desmoralizado, Marinho sente a pressão e pede para sair da Jovem Pan

Ler na área do assinante

André Marinho pediu demissão da Jovem Pan.

O pretenso ‘comediante’ entregou a carta de despedida a Emílio Surita na manhã desta quarta-feira (4).

A péssima repercussão de sua participação na entrevista com o Presidente da República, Jair Bolsonaro, tornou sua situação insustentável.

O rapaz, despreparado, sentiu a pressão do público.

O saldo para Marinho é totalmente negativo.

Sai da emissora totalmente desmoralizado.

Sua presença tornou-se um incômodo.

da Redação
Ler comentários e comentar