Ex-mulher de assessor de Eduardo Paes revela espancamentos e ameaças do marido (veja o vídeo)

Bater em mulher parece ser prática corriqueira entre os assessores de Eduardo Paes.


O homem escolhido pelo próprio prefeito para ser o seu sucessor, Pedro Paulo de Carvalho, foi o primeiro a ter o caso revelado. Deu uma surra na esposa em 2010, no Rio de Janeiro. 

Quando descoberto, admitiu o fato mas justificou dizendo o seguinte:  

Pedro Paulo, o valentão que quer ser prefeito
Pedro Paulo, o valentão que quer ser prefeito
"É importante dizer que foi um episódio único na minha vida. Jamais tive qualquer atitude dessa com minha mulher, meus filhos. Não tenho uma atitude de violência antes e depois desse episódio".  

Era mentira. Além desta agressão de 2010, havia uma outra no ano de 2008. Um boletim de ocorrência, motivado por uma outra agressão do deputado contra a ex-mulher, foi lavrado numa delegacia em São Paulo.

O fato é que ambos os procedimentos ficaram parados. Provavelmente, o pretenso futuro prefeito do Rio de Janeiro, utilizou de sua influência para que não tivessem qualquer andamento.

Eis que um novo caso, envolvendo a violenta assessoria de Eduardo Paes se tornou público no final de 2015.

O valentão da vez é Bernardo Fellows,
Bernardo Fellows, o valentão internacional
Bernardo Fellows, o valentão internacional
que vem confirmar que a prática de atos de covardia, parece coisa rotineira na gestão de Eduardo Paes.

Esse bateu na mulher pelo mundo afora. Deu uma surra em Cancun, outra em Paris e ainda ameaçava a mulher, dizendo que nada iria acontecer com ele, ‘no mínimo iria pagar algumas cestas básicas’.

Viviane Fellows, dentista, bonita, não suportou a última agressão, no dia 29 de abril deste ano, em um restaurante em Ipanema, no Rio.

Já separada, jantava com um amigo, quando o brutamontes apareceu e, além de agredi-la, fez ameaças.

Veja o abaixo o vídeo do SBT.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Denúncias