Apoiadores relatam problema em concurso da PF e Bolsonaro liga para ministro na hora (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

O presidente Bolsonaro é um defensor feroz da meritocracia. Sempre que pode registra como foi difícil entrar na escola militar mais disputada da América Latina, a AMAN (Academia Militar de Agulhas Negras) e também faz questão de citar outros aprovados em concursos como o Ministro Tarcísio de Freitas e até o veterano General Heleno.

Hoje no ‘cercadinho’, em frente ao Palácio do Planalto, onde ele sempre conversa com admiradores e jornalistas ele recebeu um pedido de um grupo de participantes do último de concurso da Policia Federal para que o ‘governo aumentasse o número de contratados’.

Transparente como sempre, Bolsonaro ligou na hora para o ministro da justiça, Anderson Torres para conversar sobre o assunto:

“Anderson, sabe o decreto nº. 9.739 do concurso da PF? Um pessoal extra que quer entrar. Existe chance de mexer no decreto?”.

Tudo isso no viva-voz, na frente dos concurseiros.

Ao que o ministro da justiça respondeu: “Na verdade presidente, estamos pensando em pedir uma autorização à Economia (Paulo Guedes) para chamar até 100% do número de vagas”.

Em seguida Bolsonaro informou aos participantes do concurso:

“Eu não vou fazer demagogia com vocês, tá? Vou ver se consigo autorização até 100% (das vagas). Acima disso fere a lei, não é decreto (...) vocês – se referindo a Polícia Federal – dão retorno para gente.”

Não dá para ser mais transparente que isso!

Confira:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do Jornal da Cidade Online.

Um ato de Censura Prévia. Um atentado a liberdade de expressão.

Uma decisão sem fundamento, sem qualquer intimação e sem o devido processo legal.

Precisamos da ajuda de todos os patriotas.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Cada colaboração é importante para que a verdade prevaleça!

Faça também a sua doação pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Contamos com você!

da Redação
Ler comentários e comentar