Pecuarista, com câncer e boca fechada, retorna para o xilindró

Uma situação dramática para aquele que ensaiou, mas optou por não delatar.


José Carlos Bumlai, que já foi um exemplo de homem bem-sucedido, inteligente, rico e poderoso, agora doente, vítima de um câncer, com a regressão da doença, acaba de perder o benefício da prisão domiciliar. 

O juiz federal Sergio Moro, restabeleceu a prisão preventiva do fiel amigo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A decisão determina que o pecuarista se apresente à Polícia Federal em 23 de agosto, quando deverá novamente ser recolhido ao cárcere na República de Curitiba.

Bumlai é acusado de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e crimes financeiros.

O homem, outrora festejado por todos, virou um peso para a família, um motivo de vergonha para os amigos e, na luta contra esta terrível doença, ao melhorar, perdeu o aconchego do lar e vai retornar para a frieza e a solidão do ‘xilindró’.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política