A velha imprensa não mostra, mas com trabalho incansável de Guedes, Brasil cria mais de 300 mil novos empregos em novembro

Ler na área do assinante

Enquanto o mundo enfrenta inflação recorde, recessão e até desabastecimento, o Brasil criou 324.112 postos de trabalho com carteira assinada no mês de novembro, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério da Trabalho e da Previdência na quinta-feira, 23.

Com o resultado, o país bate recordes em plena pandemia e soma 2.992.898 empregos criados em 2021. Segundo o ministro Onyx Lorenzoni representa o acerto das políticas econômicas liberais adotadas pelo governo federal.

“É um número histórico de quase 3 milhões de empregos gerados, o que demonstra um acerto de políticas desde 2019”, disse, em entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan.

Entre os programas que permitiram a recuperação e manutenção dos empregos e da renda em 2021, Onyx apontou o PRONAMPE (Programa de Apoio a Empresas de Pequeno Porte) e o Auxílio Emergencial, além das ações para simplificação fiscal.

“Para um cenário tão complexo que foi o ano de 2020, com aquele 'fica em casa que a economia a gente vê depois', onde milhares e milhares de empresas fecharam, houve super esforço de todo o time do presidente Jair Bolsonaro”, afirmou.

Os resultados silenciam os críticos de que o Governo Bolsonaro ‘não seria liberal o suficiente’. Agora, é claro que desmontar uma máquina estatal gigantesca, ineficiente e que conta com lobby fortíssimo no congresso – incluindo todo o PT, PSOL, PSB e, por vezes até os deputados do MBL, supostamente um movimento liberal – o ministro Onix aposta que a economia trará boas surpresas em 2022.

“Nós conseguimos, de 2019 para cá, caminhar muito na simplificação, na facilitação na desburocratização, o que permitiu que o resultado aparecesse com uma forte geração [de empregos]. Tem uma outra realidade onde quase 40 milhões de brasileiros estão na economia informal. O Brasil vem reduzindo a informalidade, mas tem muito para ser feito”.

O Jornal da Cidade Online está sendo vítima da Censura.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do site.

Um ato cruel... Um "tapa na cara" da democracia.

Neste momento, onde estamos assistindo a liberdade de expressão ser devastada e conservadores sendo calados, precisamos da ajuda de todos os patriotas...

Faça a assinatura do JCO agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Lançamos também uma loja virtual com camisetas, bandeiras e faixas (Todos com FRETE GRÁTIS).

Ajude-nos! Compre no Shopping Conservador:

https://www.shoppingconservador.com.br/

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

da Redação
Ler comentários e comentar