Bolsonaro publica nova MP e valor para auxílio à Bahia chega a quase um bilhão

Ler na área do assinante

No último dia do ano, o presidente Jair Bolsonaro, que passa curto período de recesso em Santa Catarina, editou nova medida provisória (MP) com o aporte de R$ 700 milhões para o Ministério da Cidadania, recursos estes que serão destinados diretamente para o socorro das cidades e das populações atingidas pelo desastre climático no norte de Minas Gerais e principalmente no sul da Bahia, onde estão as áreas mais afetadas pelas enchentes causadas pelas fortes chuvas que caem desde o final de novembro. Com isso, o valor liberado pelo executivo federal já se aproxima de R$ 1 bilhão.

O presidente publicou uma mensagem em suas redes sociais, comentando a liberação do auxílio:

“A medida visa o enfrentamento das consequências das fortes chuvas que acometeram diversas regiões do Brasil, principalmente os Estados da Bahia e de Minas Gerais, que deixaram milhares de pessoas desabrigadas ou desalojadas, em decorrência de alagamentos, deslizamentos de terra e danos à infraestrutura local, com interdição de estradas, quedas de pontes e viadutos e interrupção de fornecimento de energia elétrica e água potável”, afirmou a Secretaria-Geral da Presidência em comunicado.

No último dia 12, o presidente realizou sobrevoo em áreas atingidas, caminhou em alguns municípios e conversou com a população. Desde então, o governo federal tem atuado forte no resgate e auxílio, bem como na reconstrução da infraestrutura.

As ações, realizadas pelas Forças Armadas, Defesa Civil e forças de segurança da Bahia e de outros estados, estão sendo coordenadas pessoalmente pelos ministros de pastas como Defesa, Cidadania, Desenvolvimento Regional, Direitos Humanos, Saúde e Infraestrutura, que se reportam, 24 horas por dia, ao presidente.

De acordo com os dados atualizados, mais de 600 mil pessoas foram afetadas de alguma forma pelas enchentes, sendo 91 mil desabrigadas ou desalojadas. 25 pessoas morreram.

As enchentes nessa região da Bahia não são uma novidade, e ocorrem desde a década de 60.

O Jornal da Cidade Online está sendo vítima da Censura.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou a desmonetização do site.

Um ato cruel... Um "tapa na cara" da democracia.

Neste momento, onde estamos assistindo a liberdade de expressão ser devastada e conservadores sendo calados, precisamos da ajuda de todos os patriotas...

Faça a assinatura do JCO agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da destemida Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Lançamos também uma loja virtual com camisetas, bandeiras e faixas.

Ajude-nos! Compre no Shopping Conservador:

https://www.shoppingconservador.com.br/

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

da Redação
Ler comentários e comentar