Descarada, Dilma quer anular votação do impeachment no STF

Essa mulher não tem a menor consideração com o povo brasileiro.


Dilma só consegue enxergar o próprio umbigo. É completamente incapaz de uma atitude de grandeza.

O país vivendo uma crise sem precedentes, necessitando urgentemente de um governo que tenha segurança jurídica, para executar medidas absolutamente necessárias no sentido de tentar estancar as dificuldades que agonizam a sociedade brasileira e Dilma recorre da decisão que a enxotou da cadeira de presidente da República.

Sabe que sua volta é completamente inviável, que não tem a mínima condição de governabilidade e que seu recurso não tem base jurídica, mas faz questão de conturbar.

O mandado de segurança foi distribuído por sorteio para o ministro Teori Zavascki, que será o relator do caso.

Na ação, Dilma solicita que seja feito um novo julgamento no Senado, dessa vez, porém, sem levar em conta dois artigos da Lei 1.079, de 1950, usados pela acusação para imputar crimes de responsabilidade.

Ela também pede que o atual presidente da República, Michel Temer, volte à condição de vice até o julgamento final.

Uma lástima!

da Redação

da Redação

Comentários

Mais em Direito e Justiça