O próprio Toffoli dá o golpe de misericórdia em último petista do governo

Finalmente terminou a guerra travada entre o jornalista petista Ricardo Melo e o presidente Michel Temer.

Após ser demitido duas vezes da presidência da Empresa Brasileira de Comunicação (EBC), Melo conseguiu ser reconduzido ao cargo por força de duas liminares da lavra do ministro Dias Toffoli.

Entretanto, nesta quinta-feira (8), o ministro resolveu finalmente revogar a liminar, pondo fim ao imbróglio.

A decisão foi tomada após a publicação do decreto que alterou o Estatuto Social da EBC, no dia 2 de setembro, no Diário Oficial da União. 

Com a decisão de Toffoli, o jornalista Laerte Rimoli, que havia sido nomeado em maio para o cargo, será automaticamente reconduzido à presidência da EBC.

da Redação

da Redação

Comentários