Esquecida e longe dos holofotes, Xuxa sofre nova derrota (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Se existe uma pessoa nessa vida que teve todas as chances, essa pessoa é Maria das Graças Meneghel, a Xuxa.

Das críticas ou zombarias, Xuxa foi alçada a “Rainha dos Baixinhos” pela Rede Globo, e por muitos anos, de fato, reinou nas manhãs da TV brasileira.

Em vão!!!

Com tudo isso, novamente por escolhas pessoais, nota-se que ela se tornou uma ex-rainha. Dentro de uma "bolha", ela pensou que seu reino seria eterno, como se vivesse num mundo de fantasia como outrora.

Parece que o anonimato lhe fez muito mal, ou pior. Agora caminha apenas pelas páginas sensacionalistas de revistas de fofoca ou se metendo a vítima de imaginários algozes.

Em 2012, por ocasião da Lei Joana Maranhão (12.650/2012), de autoria do então senador Magno Malta (sob os auspícios do seu Projeto de Lei 234/2009), época que presidia a CPI da pedofilia (desde 2008), Xuxa, a exemplo da nadadora Joana Maranhão (que inspirou o nome da lei), tornou público que também havia sido abusada na infância (em entrevista ao programa Fantástico). Ali, até ao senador Magno Malta coube elogios à loura pela coragem de expor o fato, e mais do que isso, projetar que ela poderia se tornar mais um símbolo no combate ao abuso de crianças e adolescentes.

Tudo em vão, de novo... e de novo, por opção dela!

Em 2020, Xuxa lançou um livro que envolve crianças no seu 'mundinho" e tomou uma saraivada de críticas.

Moveu ações, gratuitamente, por essas críticas, a torto e a direito. Que o digam a deputada federal Carla Zambelli, a deputada estadual (RJ) Rosane Félix, o policial militar paulista, Guilherme Solano, e o apresentador Sikêra Júnior.

O último deles foi o próprio Magno Malta.

E a última sentença destes processos movidos pela ex-rainha, para variar, foi uma fragorosa derrota, ou vitória da justiça, como queiram.

Na “obra”, Xuxa usa um personagem infantil num mundo LGBTísta e o coloca como filho de duas mães.

Magno Malta, incrédulo, gravou um vídeo, no mesmo ano de 2020, onde emite sua opinião sobre o evento, inclusive agregou à peça, a própria autora falando do livro.

Confira:

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camisetabandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

Foto de Alexandre Siqueira

Alexandre Siqueira

Articulista
@ssicca no GETTR

Ler comentários e comentar