Frota sofre mais uma derrota na justiça e terá que indenizar Sheherazade

Ler na área do assinante

Rachel Sheherazade venceu em segunda instância um processo que movia contra Alexandre Frota (PSDB-SP).

Sem noção, o parlamentar comparou a jornalista a uma prostituta em dois vídeos postados por ele no YouTube.

Na primeira decisão, Frota havia levado a melhor. Porém, em 2ª instância o caso foi julgado na 9ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo. Frota terá que excluir os vídeos com as falas de seus canais nas redes sociais, sob pena de multa diária, e ainda pagará R$ 30 mil de indenização.

A polêmica jornalista queria mais: seus advogados pediram uma indenização por danos morais de R$ 50 mil e solicitaram que o Google Brasil retirasse os vídeos em que era xingada do YouTube.

O político pediu a extinção do processo alegando a prescrição. A plataforma de vídeos alegou que não era responsável pelos conteúdos postados.

Quando os fatos aconteceram Rachel Sheherazade ainda era apresentadora do SBT e tinha virado uma personalidade crítica ao governo de Jair Bolsonaro.

Já Frota ainda não tinha rompido com o presidente, o que o fez falar que a jornalista era "uma prostituta ao receber dinheiro para mudar de opinião".

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camisetabandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

da Redação
Ler comentários e comentar