Magistrada é achada morta com tiro no peito dentro de carro

Ler na área do assinante

A juíza Mônica Maria Andrade Figueiredo de Oliveira, de 47 anos, foi achada morta dentro do carro do marido, o também juiz João Augusto Figueiredo de Oliveira Júnior, no bairro de Nazaré, no centro de Belém (PA), nesta terça-feira (17). Ela tinha um tiro no peito e havia contraído matrimônio com o magistrado em julho de 2021.

Mônica Maria não era natural do Pará. Ela residia em Campina Grande, na Paraíba, mas vinha ao Norte do país, periodicamente, visitar o marido.

O juiz foi quem encontrou o corpo da esposa no carro e acionou a polícia. Ele já prestou depoimento sobre o ocorrido.

A arma utilizada pertencia ao marido.

O Tribunal de Justiça do Pará informou que ainda não irá se manifestar sobre o caso. A morte da juíza, no entanto, segue investigada pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil.

A magistrada deixa um filho adulto e uma adolescente.

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camiseta, bandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Assine o JCO:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar