Após demissão repentina, Disney quer Johnny Depp de volta em "Piratas do Caribe"

Ler na área do assinante

Um ex-executivo da empresa tem comentado com a imprensa americana que, há tempos, os Estúdios Disney querem de volta Johnny Depp, 58 anos, na franquia de sucesso.

Segundo o rapaz, pesou muito na decisão o fato de Johnny Depp ter vencido a ex-mulher Amber Heard, de 36 anos, em processo na Justiça. Mas, o que tem enchido mesmo os "olhinhos" da companhia são os milhares de fãs do ator ao redor do mundo.

Embora os Estúdios Disney tenham se rendido ao "politicamente correto", ideologia de gênero e, em tese, a assuntos mais alinhados à esquerda, como a venda de roupas infantis para crianças não binárias, Depp e seu enorme fã clube de direita e conservador renderiam à empresa umas centenas de milhares de dólares; assim como tem sido "Top Gun: Maverick", que já é recordista em bilheteria para o astro de Hollywood, Tom Cruise.

À princípio, Maverick foi muito atacado por feministas e críticos do cinema "politicamente corretos", mas as pancadas parece que só aguçaram a vontade do público em assistir ao longa, que rendeu mais dinheiro a Tom Cruise do que em 40 anos de carreira.

Johnny Depp, por sua vez, sabe que a Disney só pensa em contratá-lo novamente porque ele seria um cofrinho bem cheio para a companhia e também porque ele conseguiu comprovar no processo que Amber Heard inventou toda a história de agressão e violência doméstica. E, por isso, ele não se cansa de dizer que "agora é tarde".

Interpelado durante audiência se ele voltaria a atuar em "Piratas do Caribe", o ator confessou:

- Nem por US$ 500 milhões! - respondeu.

Em outro momento, ele admitiu que guarda mágoa da Disney por ter dado muito de si; para que o personagem de Jack Sparrow fosse um sucesso.

- Não compreendi bem como, após uma relação bem-sucedida com a Disney, de repente, eu era culpado até provar a minha inocência - lamentou.
- Construí da raiz (o personagem). Acrescentei muito de mim, da minha própria reescrita do diálogo e das cenas e piadas - destacou.

A franquia "Piratas do Caribe" surgiu em 2003 e Depp fechou com a Disney 5 filmes e todos eles foram sucesso garantido. Hoje, o longa está na lista dos que tiveram maior bilheteria. Mas, desde que o ator foi afastado do trabalho, a empresa não conseguiu ninguém que o substituísse à altura.

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camiseta, bandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Assine o JCO:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar