Presidente exalta as ações do Governo na pandemia e faz promessa impactante para o povo brasileiro

Ler na área do assinante

O presidente Jair Bolsonaro participou de um almoço com empresários e lideranças políticas, esta semana, na Associação Comercial do Rio de Janeiro.

Em um discurso esclarecedor, o presidente exaltou as ações do Governo contra as terríveis consequências da pandemia:

“Na pandemia era para ter 6 milhões de desempregados. Tivemos saldo positivo em 2020. Em 2021, quase 3 milhões de novos empregos. Isso foi feito ouvindo os meus ministros. Evitamos o desemprego", disse.

O presidente citou os números da economia, que, segundo ele, estão fortalecendo a posição do país no panorama internacional, por meio da política externa:

“Os números bem demonstram o que acontece conosco. Voltamos a ser a décima maior economia do mundo. O PIB está aí. A confiança no Brasil. Nós temos uma excelente política externa, conduzida pelo ministro Carlos França. O mundo todo conversa conosco. O Brasil é um país do presente, não é mais o país do futuro. Só não enxerga quem não quer”, disse.

E disse mais:

“Os informais foram condenados a morrer de fome dentro de casa, mas eles não iam morrer de fome dentro de casa. Iriam às ruas atrás de comida”, completou.

Por fim, o presidente deixou uma promessa impactante ao povo brasileiro:

"Tenho certeza que, mais um mês, chegaremos a um dígito o número de desempregados no Brasil”.

Isso será fantástico!

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camiseta, bandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

Conheça também a Cerveja Artesanal Bolsonaro, CLIQUE AQUI!

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Assine o JCO:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar