Depois de sofrer ataques covardes, Leda Nagle dá aula de como se faz jornalismo com ética e imparcialidade

Ler na área do assinante

A experiente jornalista e apresentadora, Leda Nagle, de 71 anos, está sendo "cancelada" pela lacração, por ter aceitado entrevistar o presidente Jair Bolsonaro (PL) e ouvir o lado do Governo Federal sobre o desaparecimento e morte do jornalista inglês Dom Philips e do indigenista Bruno Araújo.

Na ocasião, quando os dois ainda estavam somente desaparecidos, Bolsonaro comentou que faltou "atenção" para entrar em uma região isolada da mata sem estar "preparado, fisicamente e também com armamento”.

"Esse inglês era mal visto na região. Ele fazia muita matéria contra garimpeiro, a questão ambiental", explicou o presidente.
"Aquela região lá, que é uma região muito isolada, muita gente não gostava dele! Ele tinha que ter redobrado a atenção para consigo próprio. É muito temerário você andar naquela região sem estar preparado, física, mente e também com armamento", acrescentou.

Os esquerdistas de plantão, claro, não gostaram nada das declarações de Bolsonaro e iniciaram uma onde de ataques contra Leda Nagle, acusando a jornalista de ter ficado calada durante os comentários.

Em post no Twitter, Leda deu uma aula de como se faz jornalismo íntegro, ético e imparcial e escreveu:

"Não sou censora. Sou entrevistadora. Não faço Fake News. Faço entrevistas.  
Respeito meus entrevistados. Eu pergunto. Eles e elas respondem. 
É assim que entendo e exerço o jornalismo. Escuto todos os lados, ideias e ideologias. 
Acusar entrevistadora de fazer Fake News é crime", disse.

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camiseta, bandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Assine o JCO:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar