Em resposta ao General Paulo Sérgio, Fachin praticamente decreta como será o pleito eleitoral de 2022

Ler na área do assinante

Diante da forte nota do Ministério da Defesa, assinada pelo General Paulo Sérgio Nogueira, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, enviou um ofício com uma resposta nada agradável.

Segundo Fachin, as sugestões das Forças Armadas para a segurança do pleito eleitoral serão acolhidas apenas depois das eleições de 2022. 

“Como é do conhecimento de Vossa Excelência, a grande maioria das sugestões apresentadas no âmbito da Comissão foram acolhidas, a indicar o compromisso público desta Justiça Eleitoral com a concretização de diálogo plural não apenas com os parceiros institucionais, mas também com a sociedade civil. 
Nessa quadra, impende assinalar que, embora algumas sugestões não tenham sido acolhidas para esse ciclo eleitoral, serão consideradas para uma nova análise objetivando os próximos pleitos”, escreveu Fachin.

A resposta cai como uma bomba no cenário político.

O General Paulo Sérgio foi firme ao afirmar:

"Não nos interessa concluir eleição sob desconfiança..."

Veremos os próximos capítulos...

A eleição está chegando... Está na hora de você estampar todo o seu amor pelo Brasil!

Já garantiu a sua camiseta, bandeira e faixa?

Tudo isso e muito mais você encontra no Shopping Conservador...

A maior loja patriota do Brasil!!

Clique no link abaixo:

https://www.shoppingconservador.com.br/

O Brasil precisa de você!

Conheça também a Cerveja Artesanal Bolsonaro, CLIQUE AQUI!

Caso queira, doe qualquer valor ao Jornal da Cidade Online pelo PIX (chave: pix@jornaldacidadeonline.com.br ou 16.434.831/0001-01).

Assine o JCO:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar