PF pega de uma só vez dois ex-governadores envolvidos em falcatruas

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (13) a Operação Ápia, que tem como objetivo desarticular esquema que fraudava licitações públicas e execução de contratos celebrados para a terraplanagem e pavimentação asfáltica em diversas rodovias do estado do Tocantins.


O ex-governador Sandoval Cardoso, que governou o estado entre maio de 2014 e janeiro de 2015 foi preso. Um outro ex-governador, Wilson Siqueira Campos, que chefiou o executivo do Tocantins em quatro mandatos (89 a 91; 95 a 98; 99 a 2003; e 2011 a 2014), foi conduzido coercitivamente para a sede da Polícia Federal em Palmas.

Estão sendo cumpridos 113 mandados judiciais, sendo dezenove mandados de prisão temporária, 48 de condução coercitiva e 46 de busca e apreensão nas cidades de Araguaína, Gurupi, Goiatins, Formoso do Araguaia, Riachinho e Palmas.

Os dois ex-governadores alvos da operação são acusados de direcionamento de concorrências envolvendo órgãos públicos de infraestrutura nos anos de 2013 e 2014.

A PF estima um prejuízo aos cofres públicos correspondente a, aproximadamente, 200 milhões de reais.

O nome da operação se refere a Via Ápia, uma das principais estradas da antiga Roma.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça