Os escandalosos gastos da chapa Dilma-Temer na campanha de 2014

Michel Temer não irá concluir o mandato presidencial. Será cassado pelo TSE. As investigações estão avançadas e o que já se sabe é devastador.


Basta observar que a maior parte dos estratosféricos R$ 514 milhões consumidos pela chapa PT-PMDB nas Eleições 2014 não tem comprovação legítima, sequer minimamente aceitável pela Corte Eleitoral.

Alguns detalhes são bizarros! Um comício de Temer na quadra da Portela teria custado R$ 204 mil; uma coletiva de imprensa de Dilma em Brasília saiu pela bagatela de R$ 431 mil; uma caminhada de 1,3 km em Recife custou R$ 416 mil; e a campanha pagou impressionantes R$ 314 mil por um encontro de Dilma com artistas no Leblon!

Dinheiro desviado dos cofres públicos dos pagadores de impostos.

Helder Caldeira

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política