Renan e Sarney atuam em conjunto para limitar a ação da Lava Jato (veja o vídeo)

As arbitrariedades eram comuns na atuação da tal polícia legislativa do Senado.


De acordo com a Polícia Federal o grupo montou um esquema de contrainteligência com o objetivo de localizar e destruir escutas telefônicas e ambientais de parlamentares envolvidos na Lava Jato.

A real atribuição dos policiais legislativos, para qual foi criada a categoria, é tão-somente o zelo pela segurança dos senadores e pelo policiamento da casa.

A distorção patrocinada pelo ex-presidente do Senado José Sarney e pelo atual presidente Renan Calheiros, transformou os funcionários públicos, pagos com dinheiro do erário, num grupo marginal, atuando ilegalmente fora das dependências do Senado, com o único objetivo de prejudicar e obstruir investigações da Operação Lava Jato. 

Diante disso, nas redes sociais começa a crescer intensamente um movimento pedindo a cassação e prisão do senador Renan Calheiros.

O comentarista político professor Marco Antônio Villa, opinou sobre o assunto nesta segunda-feira (24), tratando Renan Calheiros como ‘um dos maiores corruptos da história do Brasil’.

Veja o vídeo abaixo.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Direito e Justiça