Esposa de Londres Machado tem o diploma cassado e está inelegível

Conforme o Jornal da Cidade havia previsto, dona Ilda Salgado Machado, esposa do ex-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Londres Machado, está inelegível por oito anos e teve cassada a expedição de seu diploma de prefeita.


Dona Ilda ainda terá que pagar uma multa correspondente a 10 mil Ufir’s, tudo isso em função das barbaridades cometidas no último pleito eleitoral.

Assim, a Justiça está triunfando sobre o coronelismo em Mato Grosso do Sul e a família Machado deixa a política de forma melancólica e vexatória.

Durante a campanha, acreditando na impunidade, os votos foram comprados abertamente. A cidade assistiu estarrecida. O dinheiro brotava nos sutiãs de dona Ilda Machado, flagrada num vídeo retirando a grana guardada dentro de sua blusa. Uma cena grotesca!

A sentença de 1ª instância saiu nesta quinta-feira (10). A juíza Rosangela Alves de Lima Favero prolatou a decisão.

Lívia Martins

liviamartins.jornaldacidade@gmail.com

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Foco MS