Marco Aurélio, caso tenha coragem, pode decretar a prisão de Renan

O senador Renan Calheiros, não recebeu a notificação judicial sobre o seu afastamento da presidência do Senado Federal e permanece no cargo, descumprindo uma determinação judicial.


A própria mesa diretora do senado resolveu dar guarida ao crime de desobediência praticado por Renan Calheiros.

Um documento assinado por todos os integrantes da cúpula do Senado, inclusive pelo senador Jorge Vianna (PT-AC), primeiro-vice-presidente da Casa, diz que o Senado Federal irá ‘Aguardar a deliberação final do Pleno do Supremo Tribunal Federal’.

Trata-se de um absurdo, nunca visto antes na história deste país.

A sessão do Senado desta terça foi cancelada e Renan permanece recluso, mas ainda como presidente, recusando-se a receber o oficial do STF com a notificação.

O ministro Marco Aurélio será informado da situação.

Se tiver coragem, tem todas as condições e amparo legal de decretar a prisão do ‘senadoreco’.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça