Aécio, mineiramente, comparece à sede da PF

Na surdina, o senador mineiro Aécio Neves - muito embora more no Rio de Janeiro e só apareça em Minas Gerais em tempos de eleição - compareceu à sede do Departamento de Polícia Federal em Brasília nesta terça-feira (27) para prestar depoimento.


A PF investiga se o neto de Tancredo Neves atuou junto com o falecido senador pernambucano Sérgio Guerra para melar os resultados da famigerada CPI dos Correios, em 2005.

Vale destacar: fraudar CPIs é especialidade dessa gente. Vídeo entregue ao Ministério Público Federal mostra Sérgio Guerra, então presidente nacional do PSDB, em 2009, achacando executivos da Queiróz Galvão e da Galvão Engenharia em R$ 10 milhões para livrá-los da convocação para depor à CPI da Petrobras e do indiciamento no relatório final da Comissão.

P.S.: É interessante observar como a imprensa brasileira não dá destaque para o depoimento de Aécio à Polícia Federal. Como poupam o ‘mineirinho’, hein?! Pode nem ser proposital — tenho cá minhas dúvidas... severas dúvidas —, mas causa imensa estranheza e permite ao respeitável público fazer voar a imaginação.

Se gritar ‘pega ladrão’, não fica um...

Helder Caldeira

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política