Posse de Ilda ‘Peito de Ouro’ é mais uma afronta à sociedade

Em Fátima do Sul (MS), mesmo com uma infinidade de provas irrefutáveis colhidas e uma bem fundamentada sentença de 1º grau, cassando a expedição do diploma e os direitos políticos de dona Ilda Salgado Machado, esposa do ex-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Londres Machado, e mãe da atual deputada Grazielle Machado, ela conseguiu tomar posse neste domingo (1º/01).


O ‘fantástico’ Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) suspendeu liminarmente os efeitos da sentença e determinou a diplomação e consequente posse da prefeita eleita.

Antes da decisão do TRE-MS, a filha da prefeita, apareceu num vídeo postado na internet garantindo que estava tudo resolvido (veja aqui).

Entre os motivos que ensejaram a cassação, um vídeo onde Ilda Machado é flagrada tirando dinheiro de dentro do sutiã para comprar o voto de um eleitor foi uma das provas apresentadas. Dai o codinome ‘peito de ouro’.

O que se espera, é que o TRE-MS seja ágil para julgar o mérito da ação e o quanto antes a prefeita seja defenestrada do cargo para o qual foi eleita usando de práticas nefastas, abusivas e ilegais.

Lívia Martins

liviamartins.jornaldacidade@gmail.com

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Foco MS