Não falta polícia, o que falta é punição...

Leio que apenas uma linha de ônibus urbano no Rio (linha 474) teve 339 veículos depredados, ação geralmente acompanhada de assaltos a passageiros e cobradores, em um ano.


Falta de polícia? Não. Só na semana passada, a polícia prendeu 42 bandidos nessa linha. Todos ou quase todos menores de idade, que são detidos e, em seguida, liberados, como manda nossa lei.

Dentro do mundo civilizado, do qual a Venezuela, por exemplo, já

desembarcou, estamos diante de mais uma jabuticaba: tamanha impunidade e recorrência, uma alimentando a outra, só existe no Brasil.

Aí vem o sociólogo dizer que é preciso investir mais em educação. Pode aplicar 100% do PIB em educação. Enquanto não educarem pela via da punição, parte indispensável do processo educativo, isso não vai mudar. A doutrinação ideológica nas escolas, pregando que o vandalismo é um ‘direito’, o que inclui o roubo, só piora muito o quadro.

A esquerda diz defender os pobres. São todos ou quase todos pobres as vítimas dos bandidos que infestam a linha 474. Vão perguntar a eles o que eles acham de alguém de 17 anos agredi-los dia sim, outro também, e sair com tapinha nas costas da delegacia, com o carimbo de ‘coitadinho’, dado por nossos muitos esquerdistas.

Aurelio Schommer

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Opinião