Decifrando o enigma: Quem matou Teori Zavascki? (Leia e opine)

Nesse emaranhado de fatos, documentos e delações, para se chegar a verdade será preciso uma isenta e criteriosa investigação. O que deve ser uma exigência da população, dos movimentos sociais, das entidades organizadas e dos homens e mulheres de bem.


A figura asquerosa que está por trás deste crime, certamente não acredita nesta mobilização da sociedade, nem tampouco num trabalho investigativo sério, com inteligência e estratégia.

Considerando o que abaixo se enumera, fica a pergunta: quem teria interesse em dar fim a vida do ministro?

1. As delações serão homologadas com ou sem Ministro.

2. O STF irá endurecer, pois foi atacado como nunca antes na história do direito. Em que país do mundo já teriam matado um ministro de uma corte superior desta forma? (Há trinta anos, houve algo parecido, feito por Pablo Escobar).

3. Nesse nível de decisão, ninguém faz nada por impulso ou raiva. Houve planejamento estratégico.

4. Não é crível que tenha sido feito pensando em colocar um relator novo a dedo, pois isso jamais seria possível em nosso nível atual de democracia.

5. A única lógica seria de alguém querendo tumultuar tudo por seis meses, para postergar alguma condenação (inclusive com base em provas emprestadas da delação), medida cautelar processual ou julgamento do próprio recurso contra a condenação, antes de obter um foro privilegiado em 2018...

6. É o segundo acidente de avião, envolvendo pessoas que atrapalham o projeto de alguém totalmente fora de curva, único na história desse país, que marcará todos os livros de história (não se sabe ainda como....).

7. Alguém para ter coragem de uma manobra dessa magnitude, é alguém totalmente fora do comum, daqueles que há um na história (um em um bilhão), assim como Pablo Escobar na Colômbia, que matou meio STF...

São essas as ponderações. Fica o questionamento: Quem matou Teori?


O Brasil tem que exigir esta resposta.

da Redação

Colaborou: Eduardo Bottura

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Variedades