‘Do Supremo cuido eu’ disse arrogante Carmen Lúcia a Sérgio Moro

A máscara caiu! Carmen Lúcia é arrogante e também tem ciúmes de Sérgio Moro.

Durante o velório de Teori Zavascki, o juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato na primeira instância, cumprimentou a magistrada com extrema deferência e educação e disse esperar que ela decidisse com serenidade o rito de escolha do novo relator da Operação Lava Jato no STF.

Uma preocupação natural e  louvável do magistrado.

Com grosseria e um tom acima para ser ouvida nas cercanias, a ministra, ladeada de ministros, respondeu a Moro exibindo arrogância: ‘Do Supremo cuido eu’, revelou matéria exibida pela revista IstoÉ.

Infelizmente, episódios recentes demonstram que a ministra não tem cuidado do STF com o devido denodo.

Afinal, foi Carmen Lúcia quem articulou nos bastidores, presidiu e apoiou aquela bizarra sessão que rasgou a Constituição para salvar o pelego alagoano Renan Calheiros.

Num outro episódio, para discutir o gravíssimo assunto institucional da crise do Sistema Prisional do Brasil, Cármen Lúcia convocou Michel Temer para uma conversa de comadres em casa, informal e sigilosa.

Zero institucionalidade. Zero transparência.

Não é apenas lamentável. É falta de responsabilidade republicana e vergonha na cara em larga escala.

da Redação

Com informações de Helder Caldeira

da Redação

Comentários