Lava Jato está na iminência de ganhar um aliado forte e decisivo

Em meio a tantas estilingadas que sofre cotidianamente de políticos matreiros e envolvidos em esquemas de corrupção, a operação Lava Jato pode ganhar um aliado de peso e, em consequência, o presidente Michel Temer se livrar do estigma de que pretende frear a maior operação contra a corrupção da história.


Para tanto, basta que nomeie o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Vellozo, como novo ministro da Justiça, em substituição a Alexandre de Moraes.

Vellozo, ex-presidente do STF, imporia ainda maior respeitabilidade ao cargo e por suas posições e recentes declarações, reforçaria sobremaneira a ‘República de Curitiba’.

Nesta terça-feira (14) ele teve uma longa conversa com Temer. Ao sair declarou: ‘a Lava Jato é intocável’.

Sobre Sérgio Moro, Vellozo vaticinou: ‘um juiz rigoroso, porém justo’.

E sobre a classe política que reclama das prisões preventivas e das medidas determinadas por Moro e pelo juiz Marcelo Bretas, Vellozo definiu: ‘Quem se sente agravado tem recurso’.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça