Odebrecht cuidou e pagou treinamento empresarial do caçula de Lula

Quem diria, Luis Claudio Lula da Silva recebeu treinamento empresarial.


Ou seja, algum dia parece que Lula imaginou que o filho pudesse se transformar num verdadeiro empresário.

Tudo que começa errado, acaba mal. O próprio ‘treinamento’ do rapaz foi pago com dinheiro ilícito. Não poderia dar em coisa boa.

A delação de Alexandrino Alencar esclarece justamente que um dos ‘favores’, entre os muitos prestados pela empreiteira ao ex-presidente, foi o pagamento de um orientador de carreira, um ‘coaching’, para ajudar o caçula.

Antes de iniciar suas atividades empresariais, Luis Claudio não tinha qualquer experiência na área. Formado em Educação Física, seu cargo de maior expressão até então, tinha sido o de ajudante do técnico Vanderlei Luxemburgo.

Porém, tudo indica que o tal ‘coaching’ pecou ao não ensinar ao rapaz noções mínimas de ética e probidade.

‘Luleco’, como é conhecido, preferiu virar lobista de coisas ilícitas.

da Redaçao

Fonte: Folha de S.Paulo

da Redação

Comentários

Mais em Política