Com mensagens cifradas, FHC antevê cassação de Dilma

Sem mencionar o nome da presidente Dilma, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, neste domingo (6), durante a convenção do PSDB, acusou o PT de quebrar o Brasil.

FHC disse ainda que o PSDB tem a receita para "passar o país a limpo".

E complementou: "Precisamos ir até o fim para que o Brasil seja passado a limpo." "Seja qual for o caminho pelo qual tenhamos que passar, o PSDB e seus aliados terão um caminho", concluiu.

O tucano afirmou que "o rumo foi perdido", "o Brasil foi quebrado pelo PT, pelo "'lulopetismo'".

Nos bastidores, correligionários afirmavam que Fernando Henrique se sentia algo "vingado" por ter tido um governo melhor avaliado que o de Dilma hoje. Um trecho de seu discurso indica isso. "Eu perdi a popularidade algumas vezes. Popularidade se perde e se ganha. O que eu nunca perdi foi a minha credibilidade". A plateia vibrou. 

da Redação

Comentários