Sindicatos em polvorosa diante das perdas milionárias (conheça os números)

As manifestações promovidas nesta sexta-feira (28), supostamente contra as reformas da Previdência e Trabalhista, tinham uma razão milionária por trás: o fim da contribuição sindical obrigatória.


Dai a insanidade verificada em elementos da CUT e outras centrais.

Estão inconformados com as perdas que fatalmente irão se verificar. Um dinheiro fácil que não mais terão.

A CUT, por exemplo, estimava para 2017 um recebimento rondando R$ 100 milhões de reais. Perdeu, já era.

Em 2016 foram pagos em contribuição sindical algo próximo de R$ 3 bilhões de reais.

Abaixo, veja um quadro com os valores percebidos pelas principais centrais.



A mamata acabou!

‘Sindicalista’ não será mais profissão.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Variedades