Canalhice entra em cena contra empresário que denunciou governador

No domingo (28), o empresário José Alberto Berger denunciou em rede nacional um suposto esquema de propina envolvendo o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja.


Para tanto, ele teve o cuidado de filmar um dos momentos em que fazia o repasse da propina ao sujeito acusado de ser o enviado de Azambuja para recolhimento dos valores espúrios.

Corroborando o que disse Berger, outros empresários do ramo entrevistados pelo ‘Fantástico’ engrossaram a sua denúncia, dizendo-se também vítimas do esquema.

O governador nega tudo e diz que vai provar a sua inocência.

Porém, em contrapartida, nas redes sociais, a mando sabe-se lá de quem, a imagem do empresário está sendo detonada, tanto no aspecto profissional, quanto no pessoal.


Além de uma devassa na sua vida financeira, uma foto de sua esposa – Mirela Rigotti Berger, vereadora tucana em Bonito (MS) – ao lado do governador, antes da campanha política de 2016, está sendo divulgada nas redes sociais com insinuações maldosas, atingindo moralmente o casal.


Uma verdadeira barbárie, com ares de vingança mesquinha.

Lívia Martins

livia@jornaldacidadeonline.com.br  

da Redação

Comentários

Mais em Foco MS