Vídeos denunciando propriedades de Lula proliferam nas redes sociais

Há tempos que estamos acompanhando denúncias de cidadãos comuns sobre eventuais propriedades com algum tipo de ligação com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.


Uma fazenda na Argentina é mostrada por pescadores da cidade de Marília (SP). A filmagem é feita dentro de um barco nas águas do Rio Paraná.

Os pescadores da cidade paulista entrevistam o guia argentino, morador da cidade de Paso de La Patria, onde se localiza a fazenda atribuída ao ex-presidente.

O guia afirma que a fazenda é de Lulinha e de Lula e que a propriedade tem aproximadamente 20 km por 40 km de extensão (Veja aqui matéria completa).

Uma outra fazenda atribuída ao ex-presidente localiza-se em Jaguari (RS).


A reportagem do Jornal da Cidade Online manteve contatos com moradores da região.

A Fazenda é cinematográfica e pertencia a um tal de Dr. Clóvis Silveira. Quem teria intermediado o negócio seria um executivo da ‘Oi’, filho de Odon Silveira, irmão do proprietário.

Consta que há muito tempo uma verdadeira fortuna vem sendo investida na propriedade, que, de fato, possui heliporto e um enorme esquema de segurança. Não é permitido que ninguém adentre ao local.

Uma outra fazenda supostamente adquirida por Lula, é denominada Santa Barbara, coincidentemente o mesmo nome do famoso sítio de Atibaia.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, dois moradores da região passeiam dentro do imóvel. Uma área imensa e com aproximadamente 100 mil cabeças de gado.

É inacreditável, mas diante de todas as denúncias e delações contra o ex-presidente, parece que procedem as acusações e de que Lula seguiu o conselho de seu amigo José Carlos Bumlai, investindo em gado e terras.

Abaixo, veja o vídeo.

da Redação

da Redação

Comentários

Mais em Denúncias