Lindbergh e Tarso conspiram contra Lula e por um novo partido

As esquerdas conspiram contra Lula.

No domingo (18) o senador Lindbergh Farias, o ex-ministro Tarso Genro, um grupo de petistas, dirigentes do PSOL e representantes de movimentos de esquerda fizeram uma reunião, fechadíssima, com objetivo de traçar uma estratégia para a oposição. 

Lula não foi chamado, nem tampouco avisado do dito encontro.

Na segunda-feira (19), Lula e Lindbergh participaram de um encontro na sede do PT, em São Paulo. O senador nem tocou no assunto da reunião das esquerdas, que ocorrera no dia anterior.

Lula só ficou sabendo da tal reunião na terça-feira (20), pela imprensa.

O ex-presidente manifestou surpresa e fúria com a atitude dos petistas, especialmente com relação ao senador Lindbergh.

Segundo a Folha de S.Paulo, também participaram do evento o líder do MTST, Guilherme Boulos, o ex-ministro da Justiça Tarso Genro, o ex-assessor do Planalto Vicente Trevas, o secretário de Formação do PT, Carlos Henrique Árabe, o deputado estadual João Paulo Rillo e, como representantes do PSOL, o deputado federal Ivan Valente (SP) e o deputado estadual Marcelo Freixo (RJ).

A trama ardilosa prevê a formação de um novo partido, contra o PT e contra Lula.

da Redação

da Redação

Comentários