Gilmar diz que não tem impedimento, nem constrangimento, para julgar Aécio (veja o vídeo)

O ministro Gilmar Mendes declarou nesta segunda-feira (26) que se considera apto para relatar e julgar um dos inquéritos de Aécio Neves.


A reação do ministro era esperada e o resultado de seu relatório parece previsível.

Gilmar declarou: ‘Nada impedido. Nenhum constrangimento’.

É lamentável que mesmo diante do grampo captado pela Polícia Federal, não haja nenhuma autoridade para se contrapor à atuação do ministro no caso.

Gilmar e Aécio foram flagrados discutindo uma questão política, onde o senador, demonstrando grande intimidade com o ministro, pedia sua interferência, no sentido de conseguir o apoio de um outro senador, numa questão que seria votada no Senado Federal. A lei de abuso de autoridade.

Um completo e inaceitável absurdo.

O impedimento do ministro é evidente e urge o seu impeachment, pois diante de tais fatos sua posição como ‘magistrado’ esfacelou-se.

Otto Dantas

otto@jornaldacidadeonline.com.br

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Direito e Justiça