Maia não tem mais nenhum constrangimento e negocia ‘golpe’

O presidente Michel Temer já admite derrota na Câmara e Rodrigo Maia negocia abertamente e sem qualquer constrangimento um novo governo, em que ele assuma e na sequência seja eleito pela via indireta para o mandato-tampão.


Maia chegou a declarar que não está tratando do assunto. ‘O momento é grave e meu papel é garantir a continuação do rito da denúncia e a estabilidade do Brasil’, afirmou o deputado. Pura balela!

Nesta quarta-feira (5) ele recebeu o aceno do PSDB. Tasso Jereissati declarou que o presidente da Câmara ‘tem condições’ de conduzir a transição do país até as eleições de 2018.

A escolha de Sergio Zveiter, amigo pessoal de Maia, como relator da denúncia contra Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) foi um duro golpe em Temer.

De outro lado, Rodrigo Maia dá todos os seus passos e age como candidato pela via indireta, sem se indispor com ninguém e efetuando reuniões, onde negocia, faz compromissos e promessas.

Otto Dantas

otto@jornaldacidadeonline.com.br

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Política