Fábio Júnior e Mari Alexandre entram em novo ‘round’ de embate judicial

Ler na área do assinante

O cantor Fábio Júnior quer reduzir as despesas que tem com o filho, fruto de seu casamento com a atriz Mari Alexandre.

O cantor alega que gasta cerca de R$ 35 mil por mês para sustentar o garoto, pois além da importância fixada no acordo de pensão alimentícia realizado em 2010, ele banca ainda a escola, cursos extras, plano de saúde, remédios e a manutenção da casa em que Mari e o menino moram, em Alphaville, um dos locais mais nobres de São Paulo.

Benevolente e mão aberta, Fábio teria ficado indignado com uma ação proposta pela ex-mulher, pedindo o pagamento retroativo de juros e correção da pensão alimentícia.

Sob a alegação de que Mari está usufruindo da pensão para levar uma vida nababesca, os advogados querem reduzi-la para R$ 8 mil, com o cantor se comprometendo em continuar pagando todas as despesas extras que já paga atualmente.

Parece justo, mas a briga judicial já perdura há quatro anos.

da Redação

da Redação
Ler comentários e comentar