O deputado que representa legitimamente a classe política brasileira

Muita gente tem criticado o deputado federal Wladimir Costa, do Pará, que após sair do anonimato por ter tatuado em seu corpo o nome do presidente Michel Temer, nesta quarta-feira (2), durante a sessão que julgava o pedido para que o STF recebesse ou não a denúncia contra Temer, novamente ganhou os holofotes.


Ele foi flagrado postando no celular a seguinte mensagem: ‘Mostra a tua bunda, mostra. Afinal, não são suas profissões que a destacam como mulher e sim a bunda. Vai lá põe ai garota’.

Um fotógrafo conseguiu flagrar a desenvoltura pornográfica do deputado, no momento em que ele deveria estar trabalhando e representando o povo que o elegeu.

Wladimir Costa é verdadeiramente um legítimo representante do parlamento. Medíocre e devasso, foi cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TER-PA) e ainda encontra-se no exercício do mandato graças a uma liminar conseguida no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Defensor intransigente do deputado Eduardo Cunha, na hora decisiva não hesitou em traí-lo.

da Redação

da Redação

Comentários

Mais em Política